Oceanos perdem oxigênio, problemas à vista

1
1405
views

Oceanos perdem oxigênio,consequência do aquecimento global

Oceanos perdem oxigênio em todo o mundo. Isso representa um grande problema para todos os animais marinhos vivos e ressalta as sérias conseqüências das mudanças climáticas. Este é o mais novo alerta dos cientistas. Um estudo publicado na Nature  descobriu que os níveis de oxigênio nos oceanos caíram mais de 2% no último meio século. Embora a mudança possa parecer pequena,  cientistas dizem que mesmo mudanças sutis nos níveis podem alterar ecossistemas inteiros. Rob Dunbar, professor de ciências da Terra, na Universidade de Stanford, declarou:

É significativo. Qualquer coisa com uma guelra vai se importar e notar

Matéria da time.com.

imagem dos oceanos perdem oxigênio
Foto: Getty Images

Oceanos perdem oxigênio, problema pode ser muito grave

Dunbar, que estuda a mudança climática nos trópicos e nos mares da Antártica (mas não faz parte do estudo da Nature), disse que a queda de oxigênio pode ter efeitos  em todo o azul profundo. Animais marinhos maiores, como os tubarões, importantíssimos para a cadeia de vida marinha, precisam de mais oxigênio, especialmente para realizar atividades de alta energia como a alimentação. A queda dos níveis de oxigênio cria “zonas proibidas” para algumas criaturas marinhas, deixando-as com menos áreas para se alimentarem  e reproduzirem. Segundo Dunbar…

Será mais difícil para os organismos ganharem a vida no oceano

Economias marinhas, especialmente a pesca, estão ameaçadas

As economias e pescarias costeiras, já estressadas pela sobrepescapoluição, também sofrem quando os oceanos perdem oxigênio. A mudança no nível do gás representa “consequências potencialmente prejudiciais”, de acordo com a Nature. O estudo foi conduzido pelo GEOMAR Helmholtz Center for Ocean Research, Alemanha. Pode ser difícil para os cientistas determinar as conseqüências para animais oceânicos específicos, porque eles também são afetados por atividades humanas. Os autores mapearam os níveis globais de oxigênio nos oceanos entre 1960 e 2010. O número de 2% é responsável pelos níveis de oxigênio em geral, mas os pesquisadores descobriram que muitas áreas tiveram uma redução de mais de 4%. O Oceano Pacífico Norte e o Oceano Ártico tiveram as maiores quedas no volume de oxigênio.

O aquecimento global

Pesquisadores sugeriram que o aquecimento global teve papel importante na mudança. Os níveis de gás no oceano são controlados em parte pela temperatura do mar. Gases – como oxigênio, nitrogênio e dióxido de carbono – desaparecem do oceano quando a água esquenta. Dunbar explicou:

Se você ferver a água para fazer chá, uma das coisas que você está fazendo é desgasificar a água. É apenas baseado em química simples

Dunbar alertou sobre as terríveis conseqüências para a vida marinha se o padrão continuar.

Vamos dizer que são outros 2% em outros 30 ou 40 anos,  terão forte impacto. Toda a cadeia alimentar SERÁ afetada. Para mim, isso é impressionante.

O que você pode fazer sobre isso?

Como se sabe, o aquecimento é gerado pelos gases do efeito estufa. Aqueles mesmos que nossos automóveis expelem pelo escapamento. Usar menos carros particulares é uma das saídas. Outra, é se informar muito bem antes de consumir, e evitar os automóveis de montadoras que ainda não adotaram medidas paliativas. Outra, e mais importante, é saber escolher seu próximo candidato. Antes de dar seu voto, verifique a plataforma do candidato. Se não houver um grande avanço nos transportes públicos, procure outro. Nós temos este poder. O que não temos feito é usá-lo com rigor. Não é possível continuar com o mísero sistema de transporte público brasileiro. Somos quase 8 bilhões de pessoas na Terra, a frota mundial de automóveis atinge mais de um bilhão de unidades. Ou nossos gestores mudam de postura, ou nós mudamos de gestores.

Fonte: http://time.com/4675022/ocean-oxygen-study-world/.

Sea Shepherd, conheça a história desta ONG

COMPARTILHAR

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here