Chile divulga criação de grande parque marinho

0
220
views

Chile anuncia criação de terceiro maior parque marinho do mundo

Parque marinho: foi anunciada pela presidente Michelle Bachelet a criação de dois grandes parques marinhos no Chile. Com a divulgação, o país vai proteger uma porção de oceano que ultrapassa um milhão de quilômetros quadrados. A criação do parque deverá ser formalizada em 2016.

Parque marinho, imagem de peixes em corais
Parque marinho do Chile

Proposta partiu da comunidade indígena residente na Ilha de Páscoa

A proposta partiu da comunidade indígena residente na Ilha de Páscoa, os Rapanuis. Eles se queixam da pesca industrial nas áreas de entorno da ilha, responsável pela diminuição drástica dos estoques de atum da região. A criação da área marinha irá proteger o território da pesca ilegal e manter a pesca de subsistência. Os moradores poderão pescar numa zona de até 50 milhas náuticas (92,6 km) da ilha. O restante será zona proibida para qualquer tipo de pesca.

A Ilha de Páscoa Faz parte da V Região de Valparaíso

A Ilha de Páscoa Faz parte da V Região de Valparaíso, pertencente ao Chile. Está situada a 3 700 km de distância da costa oeste do Chile. O nome oficial é Província chilena de Ilha de Páscoa. Sua população em 2002 era de 3 791 habitantes, 3 304 dos quais viviam na capital Hanga Roa.

Joshua S Reichert, liderança em iniciativas sobre meio ambiente na Pew (The Pew Charitable Trusts). declarou:

A criação do parque nas águas da Ilha de Páscoa protege um dos últimos lugares quase virgens na terra, um espaço que é de enorme importância cultural, religiosa e econômica para o povo Rapanui. Esta notícia é uma vitória para ambos, povo rapanui para o governo do presidente Bachelet

E não pára por aí…

A presidente chilena Bachelet também anunciou a criação do Parque Marinho Nazca-Desventuradas, com 297,5 mil km². O parque foi criado a partir de uma solicitação da Oceana Chile e da National Geographic, após uma expedição realizada no local, em 2013, identificar a riqueza da biodiversidade do local.

Enric Sala, explorador da National Geographic, disse:

O novo Parque Marinho Nazca-Desventuradas é um presente do Chile para o mundo. A área contém ecossistemas subaquáticos imaculadas como nenhum outro no oceano, incluindo os montes submarinos, com espécies desconhecidas para a ciência, abundância de lagostas gigantes

Com o anúncio da criação dessas duas áreas protegidas, o Chile passa a proteger 12% de sua superfície marinha e antecipa o cumprimento da meta assumida perante a Comissão de Biodiversidade Biológica de proteger 10% de seu território marinho até 2020.

E o Brasil…

Enquanto isso nosso querido Brasil segue com os míseros 1,5% de costa ‘protegidos’. Entre aspas porque não existe fiscalização. O ICMBio, encarregado de cuidar das unidades de conservação, não dota as unidades de uma equipe mínima capaz de dar conta do trabalho.

Quem segue o Mar Sem Fim acompanha nossos apelos para que o Governo Federal olhe pelo litoral, e aja para mudar o quadro atual. Em recente carta direcionada à Ministra do Meio Ambiente explico nosso drama ambiental.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here