Navio esquisito, surpreenda-se: ele é fora dos padrões

0
137307
views

Navio esquisito, surpreenda-se: ele é muito fora dos padrões

O “Floating Instrument Platform” é, acima de tudo, um navio esquisito de pesquisa do Office of Naval Research. É operado pelo Laboratório de Física Marinha do Instituto Scripps de Oceanografia. Além disso, tem 108 metros de comprimento além de compartimentos destinados a, eventualmente, inundá-lo parcialmente. Acima de tudo, o navio é usado em pesquisas sobre a altura das ondas, sinais acústicos, temperatura e salinidade da água, além de coleta de dados para a meteorologia.

imagem de navio esquisito que se parte em dois

Histórico

Segundo o ocean.si.edu, o navio lançado em junho de 1962, por Fred Fisher e Fred Spiess, cientistas do Scripps, tem uma plataforma excepcionalmente estável para pesquisas relacionadas a programa de armas submarinas da Marinha dos EUA.

Contudo, o design exclusivo, semelhante a um bastão de beisebol, tem sua inspiração em boias flutuantes conhecidas especialmente como “boias esparsas”. Além disso, no início dos anos 60  era considerado inovação no design oceanográfico. Finalmente, cinquenta anos mais tarde, continua sendo único. Uma espécie de maravilha.

Por falar em navio de pesquisa, vem aí o maior do mundo, fruto de filantropia de um bilionário.

Como a tripulação sobrevive ao lançamento da FLIP?

O mesmo site responde: “Com facilidade. Eventualmente, toda a tripulação sobe no convés usando coletes salva-vidas. Enquanto isso, o FLIP lentamente mergulha na água. O processo leva cerca de meia hora. Além disso, nos primeiros 20 minutos não parece que muita coisa acontece. Em primeiro lugar, porque os tanques de lastro são enchidos lentamente.”

PUBLICIDADE

Entretanto, os últimos cinco minutos são muito empolgantes. Ou seja, o FLIP se torna vertical. Então, todo o navio gira em círculos de 2 a 3 vezes. Dá prá imaginar? Depois, o mundo horizontal é convertido, subitamente, em vertical. Por falar nisso, se você curte navios estranhos seria oportuno conhecer o navio que transporta navios. Definitivamente, vale a pena.

O navio esquisito não tem  motor

Entretanto, a plataforma não tem motor. Precisa de reboque  até o local escolhido por pesquisadores. Ainda assim, é um navio tripulado por cinco pessoas, contudo, pode levar até 11 cientistas. Além disso, sua autonomia é de cerca de um mês. Porém, dos 108 metros de comprimento depois que afunda apenas 17m ficam fora d’água enquanto pesquisam.

Por último, quando termina o trabalho, em contrapartida, injetam ar comprimido nos tanques d’água. Desse modo, aos poucos a água é expulsa até que todo o corpo da embarcação venha à tona novamente.

355-foot 700 Ton Ship Flips

Navio Prof. W. Besnard, destino: fundo do mar ou museu?

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here