Lugares que podem ser tragados pelo mar

16
3351
views

Lugares que podem ser tragados pelo mar, conheça os 10 mais ameaçados.

Lugares que podem ser tragados pelo mar, do Mar Sem Fim para o debiloide-mor, Donald Trump: de acordo com uma pesquisa feita pela ONG Co+Life, baseada no Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas,  os 10 lugares do mundo que podem ser engolidos pelo mar em consequência do aquecimento global são:

1- Maldivas:

 Pelo menos 80% do arquipélago localizado no oceano Índico está a apenas um metro acima do nível do mar. Levantamento da Co+Life diz que  uma elevação brusca das águas poderia varrer do mapa esse paraíso de praias de areia branca. Temendo o pior, o governo estuda comprar um novo território para o seu povo.

Lugares que podem ser tragados pelo mar

2- Delta do rio Mississippi, EUA, prefeito de New Orleans é contra o pateta- mor

lugares que podem ser tragados pelo mar, imagem de Donald Trump
O pateta do século 21

O delta do Mississippi, nos Estados Unidos, cobre uma área de 75 mil km² onde vivem cerca de 2,2 milhões de pessoas. É na cidade de Nova Orleans que se concentra a maior parte da população. A propósito, o prefeito, Mitch Landrieu,  declarou logo depois do debiloide-mor ter retirado os USA do Acordo de Paris:

O aumento do nível dos oceanos provocado pelas mudanças climáticas podem destruir Nova Orleans e outras cidades costeiras

Lugares que podem ser tragados pelo mar, imagem do delta do mississipi
Lugares que podem ser tragados pelo mar

3- Veneza, Itália:

Com cerca de 270 mil habitantes, e mais de 60 mil turistas por dia, Veneza carrega a fama de cidade submersa. Pesquisadores da Scripps Institution of Oceanography, da Universidade da Califórnia, dizem que  a cidade afunda a uma taxa de 2 milímetros por ano.

Lugares que podem ser tragados pelo mar, imagem de veneza

4- Tuvalu:

O pequeno conjunto de nove ilhas localizado no oceano pacífico, entre a Austrália e o Havaí, sofre as consequências do aquecimento global. O minúsculo Estado corre o risco de submergir diante do aumento do nível do mar. Nos últimos anos as inundações constantes  vêm atrapalhando a produção da agricultura.

Lugares que podem ser tragados pelo mar, imagem de tuvalu

5- Roterdã, Holanda:

A localização, ao lado do Mar do Norte, gera uma série de possibilidades para negócios no porto de Rotterdam. Um dos maiores do mundo. Por outro lado, representa uma luta constante contra a água. Aproximadamente um terço do país fica abaixo do nível do mar.  Sem uma extensa rede de barragens, diques e dunas, a Holanda seria especialmente propensa a inundações.

Lugares que podem ser tragados pelo mar, imagem de roterdã
Lugares que podem ser tragados pelo mar

6- Rio Nilo:

Na Antiguidade o Delta do Nilo, uma planície com 160 km de comprimento, e 250 km de largura, era onde se localizava o chamado Baixo Egito. A região que mais sofreu a influência do período helênico. É aí que o rio Nilo se divide em vários braços para desaguar no mar Mediterrâneo. Hoje, a região é uma das mais ameaçadas do mundo pelo aumento do nível do mar.

Lugares que podem ser tragados pelo mar, imagem do rio Nilo
Lugares que podem ser tragados pelo mar

7- Rio Tâmisa, Londres: 

A capital britânica também não está a salvo da variação do nível do mar. Ele vem subindo cerca de um milímetro por ano. Preocupada, a firma de arquitetura britânica Baca desenvolveu uma casa anfíbia capaz de resistir às enchentes.

Lugares que podem ser tragados pelo mar, imagem Rio Tâmisa, Londres
lugares que podem ser tragados pelo mar

8- Bangkok, Tailândia: 

Localizada sobre o delta do rio Chao Phraya, Bangkok está afundando de 1,5 a 5 centímetros por ano. Partes da capital da Tailândia podem ficar totalmente submersas já nas próximas duas décadas.

Lugares que podem ser tragados pelo mar

9- Delta do Mekong:

Densamente povoada, a região do Delta do Mekong uma das mais férteis do Vietnã, pode tornar-se vítima das mudanças climáticas. Um aumento do nível do mar inundaria rapidamente as fazendas de camarões, os vilarejos, e os cultivos agrícolas que garantem trabalho e sustento para os moradores. Segundo as previsões mais pessimistas, até 2100 o mar engolirá 5% do território, 7% das terras agrícolas, e 11% de sua população.

Lugares que podem ser tragados pelo mar

10- Delta do Ganges, Bangladesh: 

Só em Bangladesh, 120 milhões de pessoas vivem no delta do Ganges e estão ameaçadas pela elevação do nível do mar. Bangladesh é um país com poucas elevações acima do nível do mar, com grandes rios em todo seu território situado ao sul da Ásia. Os desastres naturais como inundações, ciclones tropicais, tornados e marés em rios, são normais todos os anos.

Lugares que podem ser tragados pelo mar

Fontes: Reuters, Atitudesustentável, Veja, Times.

Extinção em massa começou a sexta

COMPARTILHAR

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

16 COMENTÁRIOS

  1. A eleição de um traste como D. Trump foi uma grande decepção e jamais pensei que os norte americanos se comportariam como energúmenos ou que fossem seduzidos pelo fantasioso slogan “America’s first”; posso ou devo estar errado mas quem se preocupou em conhecer quais fatos levaram os japoneses a bombardearem Pearl Harbor deveriam se empenhar para que o topetudo sofresse um processo de impeachment, pois a China pode suportar uma , duas ou até dez pressões econômicas, mas certamente não indefinidamente e a China não precisará arrasar com o Hawaii, mas poderá pulverizar centros vitais dos EUA transformando a nação em escombros com um forte aliado chamado Vladimir Putin e seu assistente Kim Jong Un. Um evento nestes naipes teria o lado positivo que faria cessar de imediato toda poluição no planeta tão logo ocorressem destruições mútuas, mas ainda assim o aquecimento global ganharia metrópoles em chamas que a realimentaria por mais alguns meses sem que isto signifique sua cessação, que certamente perdurará por pelo menos mais um século. Os homens em suas ganâncias e vontades de mostrar poder não se renderão aos fatos até que sejam engolidos e consumidos então, que assim seja; aos descrentes do aquecimento global espero que sejam jovens e saudáveis para sobreviverem os próximos anos para experimentarem “hands on” todos os “benefícios”.

  2. O aquecimento global sem dúvida influencia por demais a mudança do clima em muitas regiões. Temos que nos prevenir para salvar o planeta dos nossos tempos de agora. Mas chama atenção outros fenômenos que sabemos que ocorreram milhares de anos atrás e podem ocorrer de novo, embora de forma muito lenta. Já sabemos ou se diz muito que o sertão já foi mar ou vai virar mar. Outra notícia, que não sabemos ser verdadeira, é que o gelo já existiu em outras regiões, além da atual Antártica. Muito se fala que a região de Nova York já permaneceu séculos debaixo de grossas camadas de gelo, como a Antártica. Estudos deveriam ser feitos neste sentido para salvaguardar futuras populações porque contra a natureza não há força humana capaz.

  3. A verdade esta aí, a ciência tem evidências que dão 95% de confidencia de que o aquecimento global que estamos vivendo tem causas humanas. O atual presidente norte-americano é mais que um debilóide, e o livro lançado hoje joga luz nos bastidores da Casa Branca.

  4. Excelente artigo, onde o esclarecimento se faz pertinente e vai ao encontro daqueles que se preocupam com o aquecimento global derivado de políticas equivocadas e , podemos dizer assim, criminosas,pois atenta contra a nossa casa,a terra.

  5. João, numa boa, creio ser importante não vincular suas importantes matérias com política. Corre o risco de virar um feicibuki sem fim.
    De repente vejo na sua resposta acima comparações com o Obama… sem comentários, né?!

  6. João Lara Mesquita LULA , acredito que você é um daqueles esquerdistas fanáticos que acredita que Lula é um preso político… você deveria se portar como Jornalista, parece que a matéria é sobre Trump e que a culpa de todo o problema foi ele quem causou em 2 anos… por favor seja menos tendencioso, depois não entendem porque o povo quer colocar Jair Bolsonaro e porque o povo escolheu Trump… vai ver estão cansados de pessoas como vocês!

  7. Artigo interessante. Seria possível incluir o Linkedin nos mecanismos de distribuição de seu artigo? Ultimamente tenho visto pessoas agredindo gratuitamente os articulistas seja por qual ponto de vista seja. Isso é lamentável. Se você tem uma posição contraria, coloque claramente o que é, mas sem partir para o lado pessoal. O assunto é importante sim e merece destaque. Estamos destruindo sistematicamente o oceano e as costas. Só não vê quem não quer!!

  8. Artigo patetico e debiloide típico de quem jamais se preocupou em estudar as constantes alterações geologico-climaticas do planeta. O aumento de temperatura e o consequente degelo dos polos bem como o deslocamento do eixo magnetico da Terra é um fenomeno ciclico que se repete há milhões de anos e que em nada depende da população.

  9. Agressões gratuitas (tais com debiloide-mor e pateta-mor) e sem qualquer vinculo à matéria, jogam à baixo qualquer credibilidade à matéria e ao redator. Perdi o meu tempo. Não mais visitarei o blog.

    • Eli, se vc considera que o patético Trump não merece a adjetivação, paciência. Quanto a ‘sem qualquer vínculo com a matéria’,isso apenas demonstra sua abissal ignorância a respeito das questões do mar. O presidente norte- americano não acredita no aquecimento global; determinou que mais de 9,2 mil quilômetros quadrados em Utah deixem de ser reserva ambiental, revertendo decisões dos democratas Obama e Clinton. Ambientalistas e povos indígenas entram na Justiça. É a maior redução de áreas protegidas dos USA. A extensa área de proteção criada pelo ex-presidente Barack Obama em Bears Ears em 2016 foi reduzida em cerca de 85%. O território protegido de Grand Staircase-Escalante, um parque protegido em 1996 pelo ex-presidente Bill Clinton, diminuiu quase 46%. Trump consegue se superar. Ataca e destrói em todas as áreas. É contra o livre comércio mundial; brinca com fogo na península coreana; esconde relações perigosas com a Rússia; desmente o aquecimento global; desmonta importantes agências norte- americanas ligadas à questão do clima; e agora investe contra o maltratado oceano.Quem perdeu tempo fui eu…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here