Baleia após a morte: curiosidade, o que acontece com elas

3
4312
views

Baleia após a morte, até nesta fase elas contribuem para a vida marinha!

Você já se perguntou o que acontece com o corpo de uma baleia após a morte? Seu corpo torna-se um novo ecossistema atraindo muitas formas diferentes de vida.

baleia após a morte, imagem de baleia morta
baleia após a morte

Entenda… 

As baleias são animais surpreendentes, desempenham um papel importante nos ecossistemas marinhos. As carcaças das baleias que caem nas profundezas do oceano são responsáveis pelo desenvolvimento de um novo ecossistema.

Whalefall! Já ouviu falar?

 Quando o corpo de uma baleia cai no fundo do mar, em particular na zona abissal ou abatial (em profundidades de 2.000 metros, ou mais), ele  é chamado de whalefall. Assim, os animais das profundezas exploram os cadáveres de baleias como fonte de alimento.
Acredita-se que as whalefalls possam ser um “trampolim” para as espécies das profundezas surgirem, e que  dezenas de milhares de organismos de até 400 espécies diferentes podem colonizar um único corpo de baleia.

Surpreendentemente, os cientistas estimam que a quantidade de nutrientes gerada por uma única baleia morta é igual a que cai da superfície do mar em um período de 2.000 anos.

Uma baleia morta cria um novo e rico ecossistema porque produz um enriquecimento intenso de matéria orgânica em uma área muito pequena. De acordo com pesquisadores, existem três fases diferentes através das quais passa o corpo de uma baleia:

1. Fase de catadores móveis

Nesta fase, a baleia morta é coberta por um  grupo denso de peixes, pequenas quantidades de crustáceos, grandes tubarões sonolentos e milhões de anfípodes.

Estes animais são responsáveis ​​pelo desaparecimento dos tecidos moles. Eles podem consumir entre 40 e 60 kg por dia de carne de baleia. Em um corpo de 5 toneladas, essa  fase pode durar cerca de quatro meses.

2. Fase de enriquecimento, os oportunistas.

Durante a segunda fase, o esqueleto do animal está rodeado por uma densa camada de vermes, crustáceos e moluscos como caracóis. Estes animais se alimentam do resto do corpo.

3. Fase “sulphophilic”

Esta é a mais longa de todas as fases: pode durar de 10 até 50 anos, ou mais. Ela acontece depois  do enxofre ser produzido pelos ossos devido à ação de bactérias. São milhões de bactérias, mexilhões, vermes, entre outros.

Nessa fase já foram descobertas várias novas espécies de animais marinhos. Um deles é o Osedax. Seu nome quer dizer “vermes comedores de ossos”. E é exatamente isso que fazem: comem ossos. Estes animais não têm olhos nem boca, mas têm uns tufos avermelhados que agem como brânquias e onde estão as bactérias simbióticas que são responsáveis ​​por quebrar proteínas e lipídios dentro do osso, recebendo os nutrientes.

Abaixo você confere vídeos feitos da carcaça de uma baleia nas profundezas marinhas!

Grande Barreira de Corais, morta?

COMPARTILHAR

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

3 COMENTÁRIOS

  1. Coisa séria, claro! Todo (quase) ser vivo, seja de uma cela só ou seres mais complexos como plantas e animais, precisam de oxigenio. (Pelo menos seres vivos da forma que a gente conhece aqui na terra). Plasticos de todos os tipos, impedem o oxigenio passar pela membrana com uma velocidade que salva a vida do organismo no outro lado desta membrana de plastico. Se duvida, pode experimentar botar um saco plastico emcima da cabeca e respirar. Não faza isto!! Fica melhor parar de usar sacolinhas e canudos plasticos.

  2. Sou vegetariana. A sua visão das caças da baleia é rasa , não condiz com os estudos científicos , é hipócrita, tendenciosa e infantil . Hoje é provado que povos que vivem em regiões com baixos índices de incidência solar necessítam da gordura dos animais de climas frios, baleias, focas etc, que possuem mais gorda do que carne. Pois é da gordura onde retiram as vitaminas que estão indísponíveis em sua região, principalmente a vitamina D, que outros povos como no Brasil , conseguem facilmente o se exporem ao sol . Países dessas regiões com baixa incidência solar que diminuiram drásticamente o consumo desta gordura (principalemente pelo comodismo de caçar , já que podem ter industrializados) sofrem hoje com gravíssimos indices de suicídio e alcolismo, como a Groelândia e o estado do Alaska. E não entendo porque você se concentra no Japão, quando existem países que matam mais de 10 ou 20 vezes mais a quantidade de baleias que eles, como a Noruega e até Dinamarca (que vc sequer cita no texto) , entre outros países como a Groelândia , o estado Alaska e praticamente todos países eslavos ou do Ocidente oriental . Só posso concluir que é algum lobby .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here