Peixe-lua: uma criatura muito estranha e ameaçada de extinção

0
1707
views

Peixe-lua: uma criatura muito estranha e ameaçada de extinção

Peixe-lua: uma criatura muito estranha e ameaçada de extinção. O Peixe-lua é uma das criaturas mais bizarras do mar. Eles podem ser encontrados em todos os oceanos inclusive na costa brasileira onde, por sinal, está na lista dos peixes ameaçados de extinção.

Peixe-lua: uma criatura muito estranha e ameaçada de extinção, imagem de peixe lua
Foto: wikipedia

Podem pesar até 5.000 Kg

Quando adultos podem pesar até 5.000 Kg, atingindo 4,5  metros de altura,  por 3,5 de largura. Uma das curiosidades é que o peixe-lua não tem cauda. Ele se alimenta de medusas e águas – vivas porque não tem dentes. Seus principais predadores são leões-marinhos, orcas e tubarões.

Peixe Lua características

Segundo a wikipedia “O peixe-lua (Mola mola, Rolim, entre outras designações) pertencente à ordem Tetraodontiformes é o maior e mais pesado peixe ósseo do mundo, podendo pesar cerca de 900 quilos e crescer 6 metros de comprimento. O peixe-lua distingue-se pela forma circular do corpo, pouco habitual nos peixes que são em geral fusiformes. Esta espécie não tem barbatanas caudais e a locomoção é feita pelo movimento conjugado das barbatanas dorsal e anal”.

E mais: “Por causa das grandes dimensões da barbatana dorsal, este animal é por vezes confundido com um tubarão quando observado da superfície. O peixe-lua é considerado, em algumas culturas, um petisco apetecível, mas a sua carne contém neurotoxinas em quantidades apreciáveis”.

O nome

O site vvv explica o motivo do nome: ” o nome esquisito deste peixe (mola) vem da palavra latina para mó (pedra de moer dos moinhos). O termo “lua” é graças à sua cor cinza. Textura rugosa e corpo arredondado. O nome em inglês, “sunfish”, deve-se ao costume do peixe “tomar banho de sol” próximo à superfície. Já os alemães o chamam de “Schwimmender Kopf”, que significa “cabeça nadadora”.

Como sempre, no Japão e Twiwan, os peixes-lua são considerados uma iguaria.

Atum ameaçado é vendido a R$ 166 mil

COMPARTILHAR

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here