Oceanos, abrigam última grande área selvagem da Terra

1
410
views

Oceanos, abrigam última grande área selvagem do planeta Terra

Apesar de representar mais de 70% da superfície da Terra, ainda há muito sobre os oceanos que não conhecemos. Explorar e estudar é fundamental para proteger esses valiosos recursos para as gerações futuras. Descubra por que precisamos proteger os oceanos, e como se envolver e mergulhar em pesquisas de ponta sobre a vida subaquática. É agora ou nunca: Oceanos, última grande área selvagem da Terra. Entre as curiosidades, uma é sensacional. Trata-se dos…

Peixes- lanterna

Matéria feita a partir de informações do Natural History Museum, de Londres. Você já ouviu falar dos peixes-lanterna? Conheça, no vídeo do Natural History Museum, e saiba que o movimento dos cardumes da espécie é considerado “o maior movimento de animais do planeta.” São peixes luminosos, e pequenos. Ah, o mais importante: os peixes-lanterna juntos  equivalem  a 50% do total da biomassa pesqueira mundial, apesar disso,  os cientistas ainda desconhecem sua função no ecossistema.  É mais uma novidade recém descoberta. Você pode assistir, graças a alta tecnologia, no espetacular vídeo/ilustração do Museu Britânico. Pense em quantas espécies ainda sequer são conhecidas! Podem ser milhares!!

“Agradeça aos Oceanos a cada vez que você respira”

Esta é mais uma das frases que a grande cientista Dra Sylvia Earle não se cansa de repetir. Veja o que o Natural History Museum escreveu sobre ela: “Uma das maiores exploradoras do mundo,  Dra. Earle tem sido campeã dos oceanos profundos por mais de quatro décadas. Ela também é oceanógrafa, autora, professora e pesquisadora. Sob o esqueleto da baleia azul do museu em Hintze Hall, a Dra. Earle falou de como a humanidade depende de oceanos saudáveis. Ela disse: “A humanidade está consumindo o único planeta no universo que pode nos sustentar. Precisamos pensar sobre a origem de todos esses recursos. Saiba que toda vez que você respira, deveria agradecer ao oceano por gerar oxigênio e capturar carbono. Devemos respeitar a fotossíntese que alimenta animais pequenos, que então fornecem sustento para os grandes animais. O ciclo do nitrogênio, o ciclo do fósforo, estão em ação o tempo todo.”

imagem do tubarão- goblin, habitante dos Oceanos, última grande área selvagem da Terra
O tubarão- goblin, da baía de Tóquio.Cientistas achavam que ele estava extinto, mas foi redescoberto. Mais uma prova de nossa ignorância. (Foto:o9.gizmodo.com)

Oceanos, última grande área selvagem da Terra

E mais, segundo o Museu de História Natural de Londres, “apesar dos oceanos fornecerem um sistema de apoio para todo o planeta, sabemos pouco sobre eles. Em particular, muito pouco do mar profundo foi explorado. A Dra. Sylvia Earle fez história em 1979 quando marcou um recorde de mergulho na costa de Oahu, no Havaí. Ela desceu 381 metros (1.250 pés) dentro de uma cápsula  de mergulho blindada, amarrada a um submersível.”

imagem do peixe- pescador habitante dos Oceanos, última grande área selvagem da Terra
O peixe- pescador, ou Angela Fish, mais uma nova descoberta dos oceanos profundos. Quantas novas espécies ainda acharão? Oceanos, última grande área selvagem da Terra. (Foto:sketchfab.com)

The World is Blue, ou A Terra é Azul- Por que o destino dos oceanos e o nosso são um só

Entre os muitos livros de Sylvia Earle, o Mar Sem Fim considera este o melhor. Em linguagem simples e didática, Sylvia explica a charada do título, o porquê do nosso destino e o dos oceanos serem um só. E melhor: este livro foi traduzido e editado pelo SESI, da Fiesp. E será lançado em março, no auditório da Fiesp, num grande evento nacional. Silvia irá, com um grupo de ambientalistas brasileiros, ao gabinete do Presidente da República, para entregar um livro autografado a Michel Temer, explicando a extrema urgência em proteger a vida marinha.

Assista este outro vídeo do Museu londrino e descubra a vida marinha a 4.000 metros de profundidade. Mais uma recente descoberta.

Por que proteger os oceanos

Porque eles são a chave da vida na Terra. Você já reparou que quando a Nasa envia sondas a outros planetas, a primeira coisa que faz é descobrir se tem água? O motivo é simples: sem ela, ou melhor, sem os oceanos não há possibilidade de vida! É simplesmente por isso que você deve se engajar nesta causa. Estamos destruindo a vida marinha, entupindo os oceanos de plástico, transformando-os num caldo mortal para nós mesmos. Filie-se a uma ONG que tenha noção do problema e trabalhe por eles. Existem várias, mas nossa sugestão é a SOS Mata Atlântica que, em conjunto com o Mar Sem Fim, e um grupo dos mais respeitados ambientalistas do Brasil, está lutando por mais áreas marinhas de proteção integral. Lembre-se: Oceanos, última grande área selvagem da Terra!

Mar de lixo do Caribe, uma imensa baía de Guanabara. Saiba por que.

COMPARTILHAR

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

1 COMENTÁRIO

  1. “…os cientistas ainda desconhecem sua função no ecossistema. ”
    Mesmo?
    E qual é a função do ser humano no ecossistema? Já descobriram?

    “Saiba que toda vez que você respira, deveria agradecer ao oceano por gerar oxigênio e capturar carbono.”
    Mudaram o discurso? Não são mais as florestas? Por que? Elas acabaram e precisam arranjar outro bode expiatório?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here