México cria nova área marinha protegida: a maior da América do Norte

0
107
views

México cria nova área marinha protegida: Parque Nacional do Arquipélago Revillagigedo, a maior  da América do Norte

Enrique Peña Nieto, presidente assina decreto e México cria nova área marinha protegida: a maior da América do Norte.  Peña Nieto escolheu uma região oceânica perto da costa sudoeste do México. Especialmente rico em biodiversidade, a área é a maior reserva marinha da América do Norte com quase 150 mil quilômetros quadrados . Em 24 de novembro, o Presidente Nieto assinou o decreto que criou  o Parque Nacional do Arquipélago Revillagigedo em uma região do Oceano Pacífico que engloba quatro ilhas vulcânicas: Claríon, Roca Partida, Socorro e San Benedicto. As ilhas, desabitadas, estão localizadas a cerca de 390 km a sudoeste de Cabo San Lucas, na ponta sul da península de Baja California.

mapa do Parque Nacional do Arquipélago Revillagigedo, México
México cria nova área marinha protegida: Parque Nacional do Arquipélago Revillagigedo (ilustração: Wikipedia)

A vida marinha no Parque Nacional do Arquipélago Revillagigedo

São quatro espécies de tartarugas marinhas, mais de 37 espécies de tubarões e raias, e pelo menos 366 espécies de peixes, dezenas destas  espécies não são encontradas em nenhum outro lugar da Terra. Representantes do Pew Bertarelli Ocean Legacy Project (PBOLP), uma ONG  sem fins lucrativos colaborou com organizações de conservação mexicanas e autoridades federais para estabelecer a reserva.

imagem de tubarões na matéria México cria nova área marinha protegida
Foto El País

Mais uma santuário marinho para os atacados tubarões agora vão gerar renda com o turismo de observação.

Animais marinhos migratórios na nova área marinha protegida

O Arquipélago Revillagigedo também serve como uma rota importante para os animais marinhos migratórios, como aves, golfinhos, baleias, tartarugas marinhas, atuns e tubarões, e baleias jubarte que procuram a área ao longo dos meses de inverno.

Presidente mexicano garante a proteção integral

O ato de criação do presidente Pieña Nieto proíbe a extração de gás e petróleo, a pesca comercial e o desenvolvimento do turismo na área, garantindo que a atividade humana não perturbe os ecossistemas, disse o diretor da PBOLP, Matt Rand, à Live Science, que declarou:

Este decreto criará um padrão-ouro para conservação marinha, um santuário para a vida oceânica

Arquipélago é Patrimônio da Humanidade

Em julho de 2016, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) elevou o arquipélago a Patrimônio da Humanidade em reconhecimento da beleza natural e da importância da região como habitat para espécies ameaçadas.

imagem do Arquipélago Revillagigedo nova área marinha protegida no México
Arquipélago Revillagigedo: México cria nova área marinha protegida (Foto: http://chiviaggiaimpara.blogspot.com.br/)

México cria nova área marinha protegida: saiba como é o Parque debaixo d’água

Ao redor do arquipélago, duas correntes oceânicas convergem sobre cadeias de montanhas subaquáticas no fundo do mar. Os picos vulcânicos dessas montanhas surgem acima do nível do mar, formando as ilhas do arquipélago. Juntos,  o movimento das correntes e dos nutrientes nas águas originam ecossistemas onde diversas espécies grandes e pequenas podem conviver e prosperar, explicou Rand. As ações que protegem os ambientes oceânicos da Terra são criticamente importantes neste momento, disse ele.

imagem de ilhota na nova área marinha protegida criada pelo México
Um das ilhas do novo Parque Nacional Marinho (Foto: Richard Salas/EFE)

Mudanças climáticas: mais problemas para a vida marinha

“E, além disso, estamos começando a ver um declínio significativo [na população de peixes] por causa das mudanças climáticas. As águas estão se aquecendo, tornando-se mais ácidas e, em alguns casos, ‘desoxigenadas”, disse ele. As reservas marinhas em grande escala não são apenas mais resilientes aos impactos das mudanças climáticas; elas são mais propensas a manter seus próprios ecossistemas intactos, são berçários naturais que ajudam a repovoar os ambientes oceânicos já esgotados, disse Rand. Isto é particularmente verdade para os ecossistemas de recifes de coral, duramente atingidos pelas mudanças climáticas, disse ele.

Cientistas da UICN recomendam que pelo menos 30% dos oceanos do mundo sejam transformados em área marinhas protegidas

Para manter ecossistemas oceânicos saudáveis ​​e sustentáveis, cientistas e a União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) recomendaram que pelo menos 30% dos oceanos do mundo sejam designados como áreas marinhas protegidas. Temos um longo caminho a percorrer para chegar lá, Rand disse à Live Science. Atualmente, menos de 10% do oceano está protegido através da criação de áreas marinhas ‘de uso sustentável’; menos de 2% são áreas de proteção integral, onde não se pode extrair seja o que for.

Novas áreas marinhas protegidas ao redor do mundo

Também estão em andamento propostas para criar o Kermadec Ocean Sanctuary,  Nova Zelândia, local da segunda fossa marinha mais profunda dos oceanos; a Reserva Marinha do Mar do Coral,  Austrália; o Parque Natural da Nova Caledônia do Mar de Coral; e as Ilhas Sandwich do Sul, onde metade dos pingüins do mundo vivem, Rand disse à Live Science. 

Enrique Peña Nieto segue os exemplos de W. Bush, Obama, Michelle Bachelet, e tantos outros que atenderam aos apelos dos cientistas e criaram enormes áreas marinhas protegidas.

Brasil: ainda há esperança

O Brasil, que até agora dorme em berço esplêndido, tem finalmente motivos para acreditar que sairemos da letargia. Um grupo de ambientalistas trabalha em estreita sintonia com o MMA para que novas áreas marinhas de proteção integral sejam criadas. Recentemente um artigo foi publicado pelo Estadão com grande repercussão no ICMbio, MMA e, especialmente, no gabinete da Presidência da República. Michel Termer leu e gostou do artigo. Soubemos por fontes de sua família que Temer se prepara para deixar seu legado às futuras gerações. O desenlace desta trama deve se dar em 2018. É aguardar para ver e comemorar.

Fonte: https://www.scientificamerican.com/article/mexico-designates-north-america-rsquo-s-largest-ocean-reserve/.

Foto de abertura:  http://chiviaggiaimpara.blogspot.com.br/.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here