Tubarões em Balneário do Camboriú depois da obra de alargamento

0
22427
views

Tubarões em Balneário do Camboriú depois da obra de alargamento

Em setembro de 2021 foi iniciada uma mega obra de alargamento da faixa de praia, na praia Central do superadensado Balneário de Camboriú, em Santa Catarina. Ali acontece uma forma de ocupação absolutamente insustentável do litoral que está se tornando rotina no Sul, Sudeste, Nordeste e Norte. Infelizmente, por omissão de grande parte do público que egoisticamente ‘quer vista para o mar’, ou  ‘casa pé na areia, quem dá as cartas na zona costeira é a especulação imobiliária que está se especializando em construir cortiços para ricos e muito ricos inconsequentes. Agora, depois de parte da obra feita, apareceram até o momento 28 tubarões em Balneário do Camboriú e, além disso, algumas pessoas estão atolando na nova faixa de areia.

Imagem de tubarões em Balneário de Camboriú
Imagem, Reprodução.

28 tubarões em Balneário do Camboriú agora são monitorados

Como se sabe, uma poderosa draga revolveu o fundo do mar próximo à Praia Central, o que normalmente provoca alterações na dinâmica da vida marinha. A areia era sugada do assoalho marinho e, através de tubulações, jogada na praia. A obra está em sua fase final.

Imagem da praia Central em Balneário de Camboriú

Matéria do g1, de 14 de outubro, de autoria de Carolina Fernandes e Dagmara Spautz, informa que ‘o aparecimento dos animais no local tem relação com as obras de alargamento, de acordo com o curador do Museu Oceanográfico da Univali, Jules Soto’.

Onde apareceram os animais

Segundo o g1, ‘o contato entre o tubarão e surfistas aconteceu a cerca de 200 metros da praia, longe da área de banhistas’, numa localidade ‘próxima ao atual ponto das obras de alargamento da faixa de areia’.

PUBLICIDADE

O g1 diz que ‘a prefeitura de Balneário de Camboriú informou que teve conhecimento sobre a nova aparição através das redes sociais, mas que, sem a identificação da espécie, não poderia confirmar se era um animal frequente na enseada ou um visitante eventual’.

Enquanto isso, diz o g1, ‘o curador do Museu Oceanográfico da Univali, Jules Soto, informou que houve aumento nos registros de animais na região após o início das obras. Pescadores locais têm enviado fotos dos animais para a identificação das espécies’.

Mas o pesquisador diz ‘não ver motivo para alarde’, e explicou que ‘são animais juvenis que não têm registro de ataques a seres humanos e na sua grande maioria são juvenis e subadultos’.

28 tubarões surgiram desde agosto

O Jornal Nacional, de 26 de outubro, informou que já são 28 os tubarões observados na região.

Prefeitura de BC monitora tubarões

De acordo com o site nsctotal.com.br, ‘a Secretaria do Meio Ambiente de BC está monitorando os recentes avistamentos de tubarões na orla da Praia Central. O acompanhamento é feito pelo programa Monitoramento da Biota Aquática, contratado pela prefeitura’.

Já o site hardcore.com.br informa que ‘vídeos de autoria desconhecida foram compartilhados em vários grupos de WhatsApp e mídias sociais de surfistas do Sul do Brasil’.

E prossegue: ‘Nas imagens, um tubarão grande, com cerca de dois metros de comprimento, nadando junto ao molhe da Barra Sul, em Balneário Camboriú’.

‘O pesquisador Jules Soto, da Univali, analisou as imagens e disse que os registros mostram um grupo de pelo menos três tubarões no local’.

Pessoas atoladas na areia

A Folha de S. Paulo, de 27 de outubro informa que ‘duas mulheres ficaram presas em um trecho ainda em obra de ampliação da faixa de areia…e precisaram ser resgatado por guarda-vidas, por volta das 10h30 desta terça-feira (26 de outubro)’.

Imagem de mulheres presas na areia em Balneário de Camboriú
Praia Central, BC, em 26 de outubro. Imagem, You Tube.

Tubarões-martelo

Ainda segundo o hardcore.com.br, ‘ tanto Soto quanto o biólogo André Neto, gerente do aquário, disseram que as imagens mostram tubarões-martelo. Não é comum que animais desse porte apareçam em águas rasas, e não se descarta a hipótese de que as obras de alargamento da faixa de praia tenham atraído os animais. O biólogo André Neto disse que algo atraiu a curiosidade dos tubarões’.

PUBLICIDADE

“Pode ser a movimentação de máquinas, pode ser a matéria orgânica, alguma questão olfativa ou sensorial. Com a draga revolvendo o fundo do mar, provavelmente apareceu algum organismo para ele comer. É como arar a terra, logo no início aparecem pássaros atrás de minhocas.”

Assista ao vídeo que registrou os animais em BC

Imagem de abertura: Reprodução

Fontes: https://hardcore.com.br/tubarao-martelo-de-2-metros-aparece-proximo-a-praia-em-balneario-camboriu/; https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2021/10/14/tubaroes-aparecem-pela-2a-vez-em-balneario-camboriu-fenomeno-tem-relacao-com-alargamento-da-orla-diz-especialista.ghtml; https://www.nsctotal.com.br/colunistas/dagmara-spautz/balneario-camboriu-monitora-tubaroes-na-obra-de-alargamento-da-praia; https://www.aconteceuemjoinville.com.br/cerca-de-16-tubaroes-foram-vistos-em-balneario-camboriu-desde-agosto/; https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2021/10/mulheres-atolam-em-obra-que-aumenta-faixa-de-areia-em-balneario-camboriu-sc-veja-video.shtml.

Cobras marinhas, um estranho animal ausente do Atlântico

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here