Reserva Marinha Jardines de la Reina, Cuba

0
2961
views

Reserva Marinha Jardines de la Reina, Cuba, explorada pela iniciativa privada

Criada em 2002, a Reserva Marinha Jardines de la Reina  fica em um arquipélago na parte sul de Cuba.  A região foi nomeada por Cristovão Colombo em homenagem à rainha da Espanha. Com uma área de 2.170 quilômetros quadrados é  a maior área  marinha protegida de Cuba e, sobretudo, sucesso internacional de ecoturismo. Desde que exploração foi entregue a uma empresa privada, através de parceria público privada, o parque está sempre com lotação esgotada. Enquanto isso, a renda gerada protege a biodiversidade.

O mergulho na Reserva Marinha Jardines de la Reina, local preferido de Fidel

O arquipélago é um destino popular para mergulho e pesca. Costumava ser um dos pontos de pesca favoritos de Fidel Castro. Espécies encontradas incluem anchova, Bonefish, diversos tipos de garoupas bem como Strombus gigas (caracol grande Caribe) além do tubarão-baleia. É  um local especialmente bom  para a pesca esportiva. Uma das suas principais atrações para o mergulho é a abundância de tubarões.

Reserva Marinha Jardines de la Reina, mapa da Reserva Marinha Jardines de la Reina
Reserva Marinha Jardines de la Reina

Ao contrário dos ambientalistas brasileiros…

Os cubanos não foram bobos. Sabem que falta dinheiro para tudo. Então, por que não passar a exploração do local, e sua respectiva manutenção, à iniciativa privada?

Foi o que fizeram. A reserva recebe ajuda da Global Conservation, mas a exploração  é uma parceria com a concessão público-privada para a empresa Avalon

No Brasil, a cada vez que o Mar Sem Fim propõe isso é apedrejado. Velhos e surrados discursos vêm à tona: “vamos entregar nossa biodiversidade!?” Sim, por que não, se não temos investimentos decentes nem mesmo para obrigações básicas como saúde, educação, e segurança?

Reserva Marinha Jardines de la Reina, imagem de pescador com peixe
A pesca esportiva é uma aliada da Reserva Marinha Jardines de la Reina

Nossos Parques poderiam render tanto quanto o de Fidel…

Se nossos parques estivessem na mão da iniciativa privada renderiam empregos e renda. Entretanto, às vezes parece que somos mais atrasados que os comunas de Fidel. Assim, nossos parques nacionais  seguem com um ‘peso’ para governos e a população.

Assista e se maravilhe com as belezas da Reserva Marinha Jardines de la Reina: 

Goliath grouper attack - El mero gigante

Pesca esportiva, conheça seus benefícios.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here