Mistério em praias inglesas: milhares de criaturas marinhas mortas

0
20669
views

Mistério em praias inglesas: milhares de criaturas marinhas mortas sem explicação

A agência ambiental inglesa confirmou que lançou uma investigação depois que moradores relataram pilhas de crustáceos mortos até “à cintura” em alguns casos, nas praias de Yorkshire. Até o momento não há explicação para o fenômeno. Mistério em praias inglesas.

milhares de organismos marinhos mortos em praia inglesa
Imagem,Sharon Bell.

Mistério em praias inglesas: milhares de criaturas marinhas mortas

O site examinerlive-co-uk diz que ‘pilhas e mais pilhas de criaturas marinhas continuam a se acumular nas praias na fronteira da costa de North Yorkshire, no que os preocupados moradores dizem ser a pior cena que já encontraram’.

‘Caranguejos mortos e vivos, lagostas se contorcendo e todos os tipos de crustáceos estão amontoados na praia entre Marske e Saltburn em pilhas que chegam até à cintura’.

animais marinhos mortos em praia inglesa
O mistério continua. Imagem, TeessideLive.

‘A Agência Ambiental confirmou na segunda-feira que lançou uma investigação sobre a ocorrência,  que está considerando se um incidente de poluição é o culpado’.

Um porta-voz da Agência disse ao examinerlive-co-uk : “Estamos trabalhando com parceiros do Centro de Meio Ambiente, Pesca e Aquicultura e Autoridade de Conservação da Pesca Costeira do Nordeste para investigar por que centenas de caranguejos mortos surgiram ao longo da costa no Estuário de Tees e nas praias vizinhas.”

PUBLICIDADE

E concluiu: “Amostras de água, sedimentos, mexilhões e caranguejos foram coletadas e  enviadas aos nossos laboratórios para análise, para avaliar se um incidente de poluição poderia ter contribuído para a morte dos animais. Também compartilhamos amostras com os laboratórios do CEFAS para análise de doenças.”

Especialistas intrigados

As cenas dramáticas deixaram os especialistas intrigados quanto ao motivo pelo qual tanta vida marinha repentinamente chegou à costa de Yorkshire entre outubro e novembro. As pilhas de criaturas apodrecidas e pulsantes também foram levadas para Seaton Carew e mais ao norte em Seaham, relata o Teesside Live.

Quem é o responsável?

A BBC ouviu o oficial sênior ambiental e científico da NEIFCA, Tim Smith: “Todo mundo está tentando rastrear quem é o responsável, tivemos mergulhadores que viram caranguejos mortos no fundo do mar que foram destruídos pela água e pescadores que relataram a diminuição da entrada de lagostas em suas armadilhas.”

animais marinhos mortos em praias inglesas
Imagem, Sharon Bell.

A rede inglesa também ouviu o Dr. Jamie Bojko, um patologista da vida marinha da Universidade de Teesside: “Muitos de nós estamos preocupados. Há uma série de coisas que poderiam explicar isso, uma poderia ser um evento climático extremo, e outra possibilidade é uma doença, mas seria estranho que tivesse um efeito em tal variedade de espécies, ou seja, desde caranguejos e lagostas até espécies de peixes como cação, tubarões e linguado.”

Mortandade no litoral do Canadá

Em julho de 2021 aconteceu uma mortandade no litoral do Canadá. Cerca de 1 bilhão de animais marinhos morreram. Mas, neste caso, não houve dúvidas do motivo. Uma onda de calor recorde no início de julho foi tão poderosa que assou os animais em suas próprias conchas.

O caso inglês certamente tem outra origem. O Mar Sem Fim continuará pesquisando o assunto até que os motivos sejam esclarecidos.

Imagem de abertura: Sharon Bell.

Fontes: https://www.bbc.co.uk/news/uk-england-tees-59037044; https://www.examinerlive.co.uk/news/local-news/massacre-piles-sea-creatures-wash-21968396.

Algumas questões da COP 26 (nada otimistas)

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here