Crise na exportação de lagosta gera campanha para fechar pesca

0
772
views

Crise na exportação de lagosta gera campanha para fechar pesca

A pesca de lagosta pode estar com os dias contados devido a baixa nas exportações. Os dados assustam especialmente quando comparamos os últimos 20 anos:. A crise na exportação de lagosta gera campanha para fechar pesca.

Brasil      1991: 4.724 toneladas        – 2012: 1.250 toneladas

Os índices de exportação de 2012 indicam um declínio de 34% depois da queda de 9% em 2011. De acordo com previsões ainda não confirmadas, em 2013 pode ter tido uma baixa de 86%, atingindo apenas 650 toneladas.

Crise na exportação de lagosta, imagem lagosta
Crise na exportação de lagosta

Índices de exportação: declínio de 34%

Os índices de exportação de 2012 indicam um declínio de 34% depois da queda de 9% em 2011. De acordo com previsões ainda não confirmadas, em 2013 pode ter tido uma baixa de 86%, atingindo apenas 650 toneladas.

Donos de barco descapitalizados

Os donos de barco estão descapitalizados, endividados e não tem mais crédito na praça. Os compradores de lagosta há muito tempo deixaram de financiar produtores que pescam legalmente devido a baixa produtividade.

O site prainhadocantoverde organiza propostas e manifestações a favor de ações governamentais que garantam melhorias no cenário. No site você também encontra todas as ações listadas na campanha iniciada em 2013 a favor da moratória de lagosta até 2014.

Lagostas, algumas caraterísticas

O site wiki pedia diz que :” lagosta é o nome comum dado a uma grande diversidade de espécies de crustáceos decápodes marinhos da subordem Palinura, caracterizados por terem as antenas do segundo par muito longas e os urópodes em forma de leque. Estes crustáceos podem atingir grande tamanho, com peso superior a 1 kg, e têm uma grande importância económica, uma vez que são considerados alimentos de luxo.

Cultivo de lagostas

O crustáceo é tão procurado, e escasso, que foi iniciado o seu cultivo. O site panoramadaaquicultura.com.br diz que: “  poucos cientistas, até hoje, foram bem sucedidos nas pesquisas relativas ao cultivo de lagostas, desde o ovo até as formas bentônicas. O status atual do cultivo das larvas de lagostas é similar ao dos camarões Penaeus há 50 anos atrás, quando as pós-larvas foram cultivadas pela primeira vez em pequeno número”.

Aqui no Mar Sem Fim você acompanha já há algum tempo os alertas sobre a escassez da lagosta, as ameaças, consequências e história. 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here