Baleia quase engole cinegrafista, inacreditável!!

9
2414
views

Baleia quase engole cinegrafista

Baleia quase engole cinegrafista. Já se viu quase tudo neste mundo maluco em que vivemos. Mas uma baleia engolir um ser humano, não, nunca antes vimos tal aberração. Até que Rainer Schimpf, 51, entrou na água para filmar uma migração em massa de sardinhas no mês passado, na África do Sul. Esta migração é um dos fenômenos mais espetaculares que os mares podem nos oferecer. Schimpf declarou ao Post

Eu estava tentando fazer com que um tubarão passasse pela isca e, no momento seguinte, ficou escuro e senti uma pressão. Isso é,  eu soube imediatamente que uma baleia havia me agarrado. Eu podia sentir a pressão no meu quadril – não há tempo para medo em uma situação como essa – você tem que usar o seu instinto

imagem de Baleia quase engole cinegrafista
Imagem:Ny Post.

Algumas pessoas disseram que a experiência de  Rainer é semelhante ao conto bíblico de Jonas, o profeta do século VIII que foi engolido por uma baleia ou um peixe gigante.

Jatos de golfinhos dão alarme

De repente, os jatos brancos dos golfinhos saíram da água,  então uma baleia apareceu e o agarrou!” O tipo de baleia envolvida era uma baleia de Bryde, que come principalmente plâncton. A baleia percebeu o que aconteceu e o soltou imediatamente e, provavelmente, tão assustada quanto o incauto. As baleias não se alimentam de humanos. “Então isso foi realmente um acidente. Elas são gigantes gentis.”

Conheça as baleias de bryde

O site brydes do Brasil diz que “As baleias-de-bryde são quase um mistério para os pesquisadores de cetáceos no Brasil e no mundo. Com poucas informações disponíveis sobre o animal, os estudiosos têm diferentes teorias sobre sua classificação. A Comissão Internacional Baleeira (CIB, 2018) e a União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN, Versão 2018-1) consideram a baleia-de-bryde como uma única espécie, Balaenoptera edeni. Presente nos oceanos Atlântico, Pacífico e Índico, a baleia-de-bryde não realiza extensos movimentos migratórios como as demais espécies de baleias costumam fazer. Ela permanece ao longo de todo o ano em águas quentes, onde presume-se que seja capaz de satisfazer suas necessidades nutricionais e reprodutivas, raramente alcançando as regiões temperadas frias.”

Assista ao vídeo. Coloque em tela cheia, e se impressione com o incidente

Fontes: https://nypost.com/2019/03/08/real-life-jonah-gets-trapped-in-whales-jaws/?fbclid=IwAR2wWY-8HOlHpK7wGD3ktkohRa5kys-HYvEXopFFwNuJeNj6rIKSg374j7E; http://brydesdobrasil.com.br/brydes/baleia_de_bryde; https://www.youtube.com/watch?v=ChcEb6mlEUo.

Foto de abertura: https://www.youtube.com/watch?v=ChcEb6mlEUo.

Agrotóxicos: 2019 começa com mais ameaças

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

9 COMENTÁRIOS

  1. Em tem zé povinho, que se acham super civilizados, que devoram esses mamíferos. E NADA no mundo, nenhuma argumentação demove esse zé povinho de parar com a matança. Focas e golfinhos também são vitimas dos hiper, master, super civilizados e palpiteiros do meio ambiente..Noruega, Suécia, Islândia..os nórdicos. Japão né…nem se fala.

    • Qual é a diferença entre caçar uma baleia para comer e pescar um peixe com o mesmo fim? E a diferença entre matar uma cenoura e um animal para comer? Todos são seres vivos e tem o mesmo direito à vida, inclusive as cenouras. Infelizmente, como não fazemos nem fotossíntese nem quimiossíntese, temos que matar outros seres vivos para viver. Apenas devemos cuidar para não extinguir nenhum.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here