Matança ilegal de botos na Amazônia

0
374
views

Matança ilegal de botos na Amazônia para serem usados como isca para outros peixes

Matança ilegal de botos: no período de reprodução de algumas importantes espécies de peixes, o governo brasileiro estabelece uma proibição temporária à pesca. Essa medida é importante para garantir a reposição dos estoques pesqueiros. Esse período, chamado de defeso, acontece na Amazônia entre 15 de novembro e 15 de março.

matança ilegal de botos, imagem de boto-cor-de-rosa

Para não deixar os pescadores na mão, o governo paga um salário mínimo por esse período. Para completar a renda familiar durante o defeso muitos pescadores buscam outras espécies de menor valor comercial, como a piracatinga.

Piracatinga se alimenta de restos de animais mortos, entre eles, o boto-cor-de-rosa

A piracatinga é um bagre conhecido como urubu d’água porque se alimenta de resto de animais mortos. A carne do boto-cor-de-rosa tem servido de isca para essa pesca, de modo que as populações desse cetáceo estão sendo reduzidas a uma taxa de 10% ao ano desde que aumentou o consumo de piracatinga na Colômbia.

Durante o período de defeso na Amazônia  aumenta a caça cruel e ilegal de botos-cor-de-rosa para serem usados  como isca para a pesca da piracatinga

Precisamos atuar de forma urgente contra essa matança ilegal dos botos.

Assine e compartilhe a petição abaixo e peça ao governo colombiano para suspender o comércio da piracatinga brasileira.

O Mar Sem Fim já noticiou a moratória à pesca da piracatinga instituída pelo governo brasileiro.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here