Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional, saiba por que

0
2980
views

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional: Site internacional conta a história e apresenta imagens do Mar Sem Fim. Segue abaixo a tradução, em português do conteúdo destacado pelo portal Amusing Planet.

A matéria original em inglês você acompanha no Amusing Planet.

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional, Imagem do mar-sem-fim-preso-no-gelo

A história do que restou do iate Mar Sem Fim

Mar Sem Fim (“Endless Sea”, em Inglês) é um iate brasileiro que naufragou, e posteriormente, ficou congelado no gelo em Maxwell Bay de Ardley Cove, Antarctica, cerca de 1.200 quilômetros ao sul da ponta da América do Sul, em 07 abril de 2012 .

Documentário ao largo da costa da Antártida

O iate que pertenceu ao famoso jornalista e empresário brasileiro João Lara Mesquita, estava ocupado por quatro tripulantes que filmavam um documentário ao largo da costa da Antártida, quando o barco foi aprisionado pelo gelo. Fortes ventos superiores a 100 quilômetros por hora tinham jogado o barco de um lado para o outro “como um cavalo xucro em um rodeio,” de acordo com um membro da tripulação.

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional
Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional

Embarcação presa no gelo

Com sua embarcação presa no gelo, a tripulação, pelo rádio, tentou obter ajuda e foi recebida pela marinha chilena na base na Bahia Fildes, na Antártida. Todos os quatro tripulantes foram finalmente resgatados, mas o mau tempo atrasou o processo por dois dias.

João Lara Mesquita, que também estava no iate, escreveu em seu blog:

Então, com ventos fortes e ondas altas, o barco de Fildes (base chilena)  veio até nós. Nossa evacuação foi épica. Ondas de mais de 1,5 metros e ventos de mais de 40 nós jogava o barco de um lado para o outro, como um cavalo xucro. Quando chegou perto, cada um de nós … nos jogamos nos braços de três tripulantes chilenos um russo que pilotava a embarcação de resgate. Felizmente tudo correu de forma segura

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional, imagem do mar sem fim naufragado
Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional. A excepcional foto foi feita por meu amigo, o russo Ruslan Eliseev, e tb usada na capa de meu livro, A Saga do Mar sem fim

Golpe final para o casco do Mar Sem Fim

O Mar Sem Fim, no entanto, não pôde ser consertado. A água quase congelada que havia inundado o navio,  congelou nos canos de esgoto dos banheiros. Quando se expandiu, devido ao congelamento, os canos estouraram. Este fenômeno, a expansão da água congelada, mais tarde foi descoberto como sendo o golpe final para o casco do Mar Sem Fim, enviando-a para o fundo da baía rasa.

O barco estava a cerca de 30  metros de profundidade (erro da matéria, o certo são 12 metros), preservado e visível de cima, há quase um ano, até  seu recente resgate no verão de 2013.

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional
Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional (foto: JLM)

 Mar Sem Fim vem à tona

O Proprietário, João Lara Mesquita, conseguiu voltar para o local e quando o tempo colaborou, enviou mergulhadores que através de boias infladas em ambos os lados conseguiu trazer o Mar Sem Fim à tona. As bóias foram continuamente infladas, elevando lentamente o navio que tinha sido submerso por quase um ano. Uma vez que o navio boiou, foi rebocado de volta para a costa, onde os investigadores recuperaram seu equipamento.

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional
Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional (foto JLM)

O navio teria sido segurado por US $ 700.000, no entanto, o casco  os danos por ficar submerso por 10 meses indicaram que Mar Sem Fim precisava de um reparo muito maior.

Mar Sem Fim é destaque na mídia internacional
Antes do acidente, o lindo barco.

Fonte: Amusing Planet

O resgate do Mar Sem Fim… CONSEGUIMOS!

COMPARTILHAR

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here