Cidades brasileiras mais ameaçadas pelo avanço do mar

2
11589
views

Cidades  brasileiras mais ameaçadas pelo avanço do mar

Da região Sul, para a região Norte, Porto Alegre, Santos, Salvador, Recife, Fortaleza e São Luís são as cidades mais ameaçadas  pela subida do nível do mar de acordo com estudo do Climate Central, ONG que analisa e informa sobre a ciência do clima. O trabalho teve como base estudo publicado em outubro de 2021 na Environmental Research Letters que focalizou os locais mais sensíveis a sofrerem ‘inundações sem precedentes’ caso não sejam adotadas políticas e medidas de mitigação. Post interativo, Cidades brasileiras mais ameaçadas pelo avanço do mar.

Ilustração de cidade costeira e avanço do mar
Será este o futuro que deixaremos para nossos filhos e netos? Ilustração, Climate Central/Nickolay Lamm

Cidades brasileiras mais ameaçadas

O Brasil está no 17º lugar entre os países mais vulneráveis à subida do nível do mar. A pesquisa projeta cenários que começam com um aquecimento de 1,1ºC (atualmente ultrapassado, já que o planeta esquentou 1,2ºC desde a era pré-industrial), até o pior, um aumento de 4ºC.

O mais provável, entretanto, seria um aumento entre 2ºC a 3ºC, pelo menos de acordo com as metas mais recentes apresentadas na  COP 26.

No Brasil a situação é gravíssima se levarmos em conta que entre os 17 municípios brasileiros com mais de 1 milhão de habitantes, oito estão diretamente ligados ao oceano ou no interior de baías.

Além de consequências óbvias como o êxodo, haveria a perda de infraestrutura nas regiões  afetadas pela erosão que já toma grande parte do litoral; possível desabrigo de milhões de pessoas provocando prejuízos gigantescos.

PUBLICIDADE

O Mar Sem Fim fez uma pesquisa sobre o que aconteceria com um aumento de 4ºC, os resultados são  assustadores.

Breve resumo do estudo e as cidades brasileiras mais ameaçadas

O estudo publicado na Environmental Research Letters alerta que ‘Uma parte das emissões de dióxido de carbono causadas pelo homem ficará na atmosfera por centenas de anos, aumentando as temperaturas e os níveis do mar em todo o mundo’.

mapa mundi com locais ameaçados pelo aumento do nível do mar
Os lugares marcados assinalam os mais suscetíveis ao avanço do mar.

Nações não parecem acreditar nos alertas

‘As políticas e ações de redução de emissões da maioria das nações não parecem refletir essa ameaça de longo prazo, pois coletivamente apontam para a inundação permanente e generalizada de muitas áreas desenvolvidas’.

O Brasil

Quanto ao Brasil, o estudo foi certeiro. Conforme post que publicamos em setembro de 2021, só cinco Estados brasileiros têm metas de redução de emissões, que diria medidas para mitigar a subida do nível do mar…

Ásia, o continente mais afetado

Mas, o continente mais afetado aparentemente seria a Ásia. ‘Pelo menos 50 grandes cidades, principalmente na Ásia, precisariam se defender contra níveis de exposição sem precedentes no mundo, se possível, ou enfrentariam perdas parciais ou quase totais de área existente’.

‘Nacionalmente, China, Índia, Indonésia e Vietnã, líderes globais na recente construção de usinas de carvão, têm as maiores populações ocupando terras abaixo das linhas da maré alta projetadas, ao lado de Bangladesh’.

Nações insulares terão perda quase total

‘Muitas pequenas nações insulares estão ameaçadas de perda quase total. A linha da maré alta pode invadir terras ocupadas por até 15% da atual população global (cerca de um bilhão de pessoas)’.

Cumprir as metas do Acordo de Paris

‘Por outro lado, cumprir as metas mais ambiciosas do Acordo de Paris provavelmente reduzirá a exposição pela metade e pode evitar requisitos globais de defesa sem precedentes para qualquer megacidade costeira que exceda uma população contemporânea de 10 milhões’.

Veja agora o que aconteceria com Porto Alegre, RS

Para cada simulação o Climate Central pergunta: Qual futuro vamos escolher? E alerta que tudo depende das decisões da COP 26.

Santos, SP

Rio de Janeiro

Salvador, Bahia

PUBLICIDADE

Recife, Pernambuco

São Luís, Maranhão

Imagem de abertura: Climate Central/Nickolay Lamm

Fontes: https://picturing.climatecentral.org/; https://iopscience.iop.org/article/10.1088/1748-9326/ac2e6b.

Bebê orca e um emocionante e improvável resgate

Comentários

2 COMENTÁRIOS

  1. Vemos aí uma amostra preocupante do que pode acontecer com o planeta, sem dúvida com a já mudança em curso é quase certa esta verdadeira catástrofe venha a se confirmar se não houver um esforço dos mandantes do mundo. O que parece a falta de sensibilidade durante todo esse tempo transformou o que já alertado ora possa se transformar e verdade, a destruição sistemática só mostra que a preocupação está acima do bem do planeta em detrimento a ganancia que, sem dúvida é o que vale. O mundo na UTI não parece que se salvará com esta geração que mostra a falta de compreensão do verdadeiro problema.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here