Espécies invasivas e seus muitos problemas

2
11313
views

Espécies invasivas e seus muitos problemas: conheça o caso do caranguejo Stalin

Nos anos 60, em plena época do ‘império soviético’, os russos transferiram milhares de caranguejos do Leste para o Oeste numa tentativa de incrementar ainda mais a criação deste crustáceo conhecido na época como “caranguejo Stalin”. Ao fazer isso, introduziram espécies invasivas e seus problemas a reboque. A ideia era explorá-los de forma intensiva no mar de Barents. Mas houve mais problemas do que os soviéticos puderam imaginar.

Mapa do mar de Barents.
Os russos transferiram os caranguejos do Leste para o Oeste na região do Mar de Barents

Meio século depois…o que era solução virou problema

Meio século depois, sem predadores naturais, e como sempre acontece quando se introduz espécies invasivas, os crustáceos se multiplicaram milhões de vezes.

Eles comem de tudo  no fundo do mar, de peixes a estrelas do mar, levando o pânico aos pescadores da região que não têm mais como ganhar seu sustento em razão da maciça proliferação deste predador.

pescador com um caranguejo de Stalin, exemplo de espécies exóticas
O caranguejo de Stalin pode atingir até 12 quilos e ter dois metros de largura!

Aos poucos, e andando cerca de 15 quilômetros por dia, os caranguejos exóticos foram tomando o litoral de outros países do norte. Recente pesquisa indica que os custos das espécies invasivas aquáticas ultrapassam os 345 bilhões de dólares  desde os anos 70.

Mapa dos países do norte onde o carnguejo de Stalin se estabeleceu
A parte vermelha assinala a marcha do caranguejo Stalin desde o litoral russo até o estreito de Gibraltar.

Introdução de espécies invasivas e seus problemas

De acordo com cientistas a maior causa de perda de biodiversidade no mundo é o desaparecimento de habitats. A segunda, a introdução de espécies invasivas. Sem predadores naturais, eles se proliferam e tomam o lugar da fauna nativa.

PUBLICIDADE

No Brasil temos dois casos emblemáticos. Um deles foi a invasão do mexilhão dourado que entrou no País via a água de lastro de algum navio oriundo da Ásia. Ele dominou o lago Guaíba e, depois, tomou conta de rios da Argentina, Brasil (São Francisco), e ameaça chegar até a Amazônia.

Outro caso emblemático, foi a chegada do peixe leão, espécie do Indo-Pacífico, em águas de Fernando de Noronha.

O recado do vídeo não poderia ser outro: …”é isto que acontece quando não se respeita o frágil ecossistema marinho”

Assista ao vídeo.

Marés: vídeo demonstra como elas acontecem

Comentários

2 COMENTÁRIOS

  1. Um dos Grandes problemas do Brasil é a terrível erva daninha Politicus Corruptus, uma praga que devasta tudo o que encontra pela frente. Já está espalhado por todo o país.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here