Embarcações em 3D, nova realidade da indústria naval

1
3471
views

Embarcações em 3D, nova realidade da indústria naval

Não pense que é piada. Os arquitetos navais da Robert Allan Ltd, a mais antiga empresa de consultoria naval do Canadá, e a empresa de classificação ABS, concluíram os primeiros planos de construção de embarcações em 3D para um rebocador que será construído pela Signet Maritime. A notícia nos chega através do site gcaptain.com.

Imagem de embarcação 3D
Ilustração, gcaptain.com.

Embarcações em 3D, realidade que se aproxima

Desenhado por Robert Allan Ltd., o Advanced Rotortug®, que se destina a escoltar embarcações  no Porto de Corpus Christi, em breve receberá seu Certificado de Inspeção da Guarda Costeira dos EUA, a etapa final antes da construção.

O rebocador será construído e operado pela Signet para a classe ABS, tornando-se a primeira embarcação comercial na história dos EUA a ser produzida usando apenas modelos 3D no projeto e construção de todas as estruturas.

Conheça as novidades do processo

Um processo puramente 3D reduz os custos e o investimento de tempo e ajuda a preparar novos vasos para o futuro. Antes deste projeto do Rototug, a ABS concluiu um projeto piloto bem-sucedido com a NASSCO que usou modelos digitais 3D para pesquisas de classe.

Durante o piloto com NASSCO, os topógrafos usaram modelos digitais 3D em vez de desenhos 2D tradicionais para a simulação de novos levantamentos de construção em vários blocos de aço.

PUBLICIDADE

De acordo com o ABS, o 3D Model-Based Class permite que um projetista ou um estaleiro elimine inteiramente os desenhos 2D, economizando até 25% do tempo de projeto. Os modelos 3D são mais fáceis de navegar e também podem reduzir o tempo necessário para treinar os funcionários do estaleiro.

Mike Fitzpatrick, CEO da Robert Allan Ltd., que foi ouvido pelo gcaptain declarou: “Estamos muito satisfeitos que o ABS tenha tomado a iniciativa de trabalhar conosco em um processo para revisar e aprovar modelos estruturais 3D. Graças à novidade, o tempo desde o estágio de design básico até a fase de projeto de produção é encurtado, permitindo que o estaleiro comece a cortar aço mais cedo.”

O ‘3Dirigo’, o maior objeto sólido impresso em 3D no mundo

O projeto do rebocador não é o primeiro. Em novembro de 2019 o site singularityhub.com mostrava o ‘3Dirigo’, um uma lancha de 25 pés (8,3 m) que estabeleceu novos recordes para o maior objeto sólido impresso em 3D do mundo e o maior barco impresso em 3D.

O ‘3Dirigo’ foi impresso em apenas três dias. Dr. Habib Dagher, Diretor Executivo do Centro de Estruturas e Compostos Avançados da University of Maine, disse ao CNBC que um processo típico de desenvolvimento e fabricação para uma embarcação de tamanho semelhante “pode levar meses ou até um ano.”

É o futuro chegando na navegação. Agora só temos que torcer para que a indústria acelere a descarbonização da indústria naval global que, timidamente, começa a avançar.

Assista ao vídeo do ‘3Dirigo’ e saiba mais

Imagem de abertura: gcaptain.com

Fontes: https://gcaptain.com/abs-3d-printed-ships/?subscriber=true&goal=0_f50174ef03-e8f308c63f-170347750&mc_cid=e8f308c63f&mc_eid=0d2c840093; https://singularityhub.com/2019/11/14/this-boat-was-3d-printed-and-bigger-wilder-projects-will-soon-follow/.

Tratado internacional para o plástico avança

Comentários

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here