Recursos Hídricos, ONU diz que a situação é crítica

0
1152
views

Recursos Hídricos Mundiais: gestão insustentável dos recursos naturais pode causar graves danos às economias e sociedades

O título acima é  subtítulo do Relatório Mundial das Nações Unidas sobre Desenvolvimento dos Recursos Hídricos 2016. O documento alerta que ‘metade da força de trabalho mundial está empregada em oito setores dependentes de recursos hídricos e naturais: agricultura, silvicultura, pesca, energia, manufatura com uso intensivo de recursos, reciclagem, construção e transporte’.

Recursos hídricos e a economia mundial

Para a ONU ‘ a gestão insustentável dos recursos hídricos e de outros recursos naturais pode causar graves danos às economias e à sociedade. Isso  inverteria significativamente os beneficios conquistados duramente na redução da pobreza.

Recursos hídricos e saneamento básico: essenciais para se manter uma força de trabalho produtiva

O relatório chama a atenção para o fato de que o acesso ao fornecimento de serviços seguros e confiáveis de saneamento e de abastecimento de água potável de qualidade,  são essenciais para se manter uma força de trabalho saudável, treinada e produtiva.

O Brasil vai de mal a pior: 37% da água utilizada no país é desperdiçada

O tratabrasil.org informa sobre o desperdício:

A cada 100 litros de água coletados e tratados, em média, apenas 63 litros são consumidos. Ou seja 37% da água no Brasil é perdida, seja com vazamentos, roubos e ligações clandestinas, falta de medição ou medições incorretas no consumo de água, resultando no prejuízo de R$ 8 bilhões.

Coleta de esgoto no Brasil: medíocre

Ainda no tratabrasil.org:

Mais de 100 Milhões de brasileiros não tem acesso a este serviço.

Tratamento de esgoto no Brasil: vergonha!

Diz o tratabrasil.org.br:

recursos hídricos, gráfico mostrando porcentagem de esgotos tratados no Brasil

42% do total da mão de obra mundial são altamente dependentes dos recursos hídricos, diz a ONU

‘As análises realizadas neste Relatório permitiram estimar que mais de 1,4 bilhão de empregos, ou 42% do total da mão de obra mundial, são
altamente dependentes dos recursos hídricos’.
E mais: ‘também foi estimado que 1,2 bilhão de empregos, ou 36% da mão de obra mundial, são moderadamente dependentes dos recursos hídricos.

Produtividade brasileira?

 Como melhorar a produtividade da força de trabalho nacional sem estas mínimas condições? O Portal da Indústria, em matéria de 2015, afirmou o que ‘a produtividade brasileira é a que menos cresce em relação a 11 países’. O mesmo texto realça que ‘a baixa produtividade do trabalho colaborou para que o Brasil registrasse na década o mais alto Custo Unitário do Trabalho em dólares. Veja o gráfico comparativo:
recursos hídricos, imagem de gráfico da produtividade de trabalhadores de 12 países

Investir em recursos hídricos e crescimento econômico

A ONU diz que ‘os investimentos em recursos hídricos são uma condição necessária para o crescimento econômico, a geração de empregos e a redução das desigualdades’.

Brasil: como investir em recursos hídricos com tanta corrupção? R$ 200 bi por ano!

Enquanto a ONU chama atenção para os investimentos necessários na melhoria da produtividade, matéria do Estadão, de setembro de 2015, dizia que o Procurador da República Deltan Dallagnol estima que a corrupção desvia R$ 200 bilhões de reais por ano no país!
Até quando, Brasil?
(foto de abertura:paulinas.org.br)
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here