Gelo combustível, China extrai do fundo do mar

0
814
views

Gelo combustível, China extrai do fundo do mar

Gelo combustível? Para o Mar Sem Fim isso é novidade. E novidades, nas questões do mar, merecem ser divididas. A matéria é da BBC. Eis o que ela diz: “a China anunciou ter extraído do fundo do Mar da China Meridional uma quantidade considerável de hidrato de metano, também conhecido como gelo combustível, que é tido por muitos como o futuro do abastecimento de energia”.

Vamos entender o que é ‘hidrato de metano’

Quem explica é o site sinergiaengenharia.com.br:

…Trata-se de um composto altamente energético…um litro desta composição corresponde, em condições normais de temperatura e pressão, a 168 litros de gás metano…a substância foi encontrada em quantidades significativas em camadas profundas do pergelissolo (solo gelado do Ártico) ou em leitos de oceanos…

Hidrato de metano: mais uma contribuição importante dos oceanos

O mesmo site diz que ” estima-se que no mundo haja 12 trilhões de toneladas deste gás e que haja mais energia armazenada nele do que na soma de todo petróleo, gás e carvão do mundo. Então podemos dizer que esta é uma ótima alternativa energética, não?”

E prossegue a explicação: “infelizmente não é bem assim. Há o desafio de extraí-lo do fundo do mar onde existe altíssima pressão e baixa temperatura sem que o gás escape. Além do gás metano possuir um potencial de aquecimento 25 a 30 vezes maior que o dióxido de carbono, o CO2”.

Hidrato de metano e a preocupação dos cientistas: tsunamis à vista?

O sinergiaengenharia.com.br explica: “a preocupação dos cientistas é que, como há altas concentrações deste gás em grandes áreas de gelo, devido ao aquecimento global, a tendência é que essas áreas sofram derretimento e, com isso, liberem o hidrato de metano aumentando ainda mais a temperatura do planeta e  potencializando o efeito estufa. Outra grande preocupação é que a exposição incontrolada do hidrato de metano possa acarretar em deslizamentos e até tsunamis”.

E finaliza: “as bolhas de metano também podem ser liberadas na atmosfera, e a faísca de um motor de um avião pode ser suficiente para causar uma tragédia”.

O que é o gelo combustível?

Desta vez quem explica é o G1: “o gelo combustível ou gelo inflamável é uma mistura gelada de água e gás”.

E por que o nome, gelo de fogo?

Mais uma vez, o G1 explica: “o gás encapsulado dentro do gelo torna os hidratos inflamáveis, mesmo a baixíssimas temperaturas. Essa combinação rendeu-lhe o apelido de gelo de fogo”.

Um metro cúbico dessa substância libera cerca de 160 metros cúbicos de gás

Voltamos ao site da BBC: “quando se reduz a pressão ou se eleva a temperatura, os hidratos se decompõem em água e metano. Um metro cúbico dessa substância libera cerca de 160 metros cúbicos de gás – ou seja, trata-se de um combustível de grande potencial energético”.

China comemora

A BBC diz que “num comunicado emitido na semana passada, autoridades do país asiático comemoraram o feito. Isso porque a tarefa é considerada altamente complexa. Já tinha sido alvo de tentativas pelo Japão e pelos Estados Unidos, sem muito sucesso”.

Gelo combustível, China extrai do fundo do mar, ilustração mostrando a formação do hidrato de metano

Histórico do hidrato de metano

Diz a BBC: “os hidratos de metano foram descobertos no norte da Rússia nos anos 1960, mas foi há apenas dez ou 15 anos que começou a pesquisa sobre como extrai-lo dos sedimentos marinhos”.

Gelo combustível, China extrai do fundo do mar, imagem de hidrato de metano
O hidrato de metano

” O Japão foi pioneiro na exploração devido à sua carência de fontes de energia natural. Outros países líderes na prospecção de gelo combustível são Índia e Coreia do Sul, que tampouco têm reservas próprias de petróleo”.

Potencial do Hidrato de Metano como combustível

Voltamos à BBC: “Pesquisadores acreditam que os hidratos de metano têm o potencial de se tornar uma fonte de energia revolucionária que poderia ser fundamental para suprir necessidades energéticas no futuro”.

Praven Linga, professor do Departamento de Engenharia Química e Biomolecular da Universidade Nacional de Cingapura, explica a importância do feito chinês:

Em comparação com os resultados que temos visto na pesquisa japonesa, os cientistas chineses conseguiram extrair uma quantidade muito maior de gás. É certamente um passo importante em tornar viável a extração de gás dos hidratos de metano

Só em 2025 ele poderá ser usado comercialmente

O especialista ouvido pela BBC declarou que

É a primeira vez que os índices de produção são realmente promissores. Mas acreditamos que só em 2025, na melhor das hipóteses, poderemos considerar realistas as opções comerciais

Exploração do hidrato de metano e danos ambientais

Os peixes e  frutos do mar estão acabando. O Homo sapiens moderno está dando cabo deles com impressionante capacidade. Em seu lugar, entope os oceanos de plástico. Estudos demonstram que, a continuar na mesma balada, em 2050 haverá mais plástico que biomassa pesqueira.

Opinião do Mar Sem Fim

Nós ainda vamos conseguir. Falta pouco. Mas estamos caminhando céleres para o fim da vida marinha. Ponto pra nossa geração. Seremos cobrados pelas futuras. E nós, do Mar Sem Fim, não queremos ser lembrados por isso.

E você?

Terra, um planeta que cismamos em maltratar!

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here