Em tempos de coronavírus o valor da solidariedade

1
1578
views

Em tempos de coronavírus o valor da solidariedade

Em meio à tragédia do impacto da covid-19 em uma sociedade tão desigual como a brasileira, não faltam exemplos de solidariedade, felizmente. E os exemplos de pessoas e empresas contribuindo para tornar esses tempos de coronavírus menos catastróficos vão se multiplicando. Desde aqueles bilhetinhos colocados em elevadores por pessoas se oferecendo para ajudar idosos nas compras… Até as iniciativas de empresas que estão alterando suas linhas de produção para fabricar equipamentos e insumos de saúde. Tudo é válido e importante na tentativa de se salvar vidas.

Ambev produz álcool em gel para o SUS

Uma das primeiras empresas a anunciar colaboração no combate à pandemia no Brasil foi a gigante do setor de bebidas Ambev. A empresa adaptou uma linha de produção no Rio de Janeiro para produzir álcool em gel. O insumo está em falta e quase não pode ser encontrado nos pontos de venda. Pode faltar até na rede de saúde. Ao lado da água e sabão, é uma das substâncias mais eficazes no combate à proliferação do coronavírus.

imagem de alcool gel 70
Imagem, https://casavogue.globo.com/.

Em um primeiro momento, segundo a Ambev, serão fabricadas 500 mil garrafas pets de álcool em gel. Elas serão doadas a unidades do Sistema Único de Saúde (SUS) de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília – regiões em que o número de casos confirmados da covid-19 é maior.

Em tempos de coronavírus solidariedade também de grandes entidades

Após a recente autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o retorno da produção de álcool em solução 70%, a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) também informou que usinas voluntárias irão fabricar o produto gratuitamente. O álcool 70 é o mais eficaz para combater o coronavírus e a ideia é produzir também álcool em gel a partir dessa solução.

A iniciativa conta ainda com a participação da Associação Brasileira de Transporte e Logística de Produtos Perigosos e do Sindicato Nacional de Empresas Distribuidoras de Combustíveis e Lubrificantes. Eles se comprometem a buscar o álcool nas usinas e levar para os centros de distribuição, além de financiar os gastos com óleo diesel para o transporte.

“Os produtos serão direcionados para serviços públicos de saúde, como hospitais, unidades básicas de saúde e hospitais filantrópicos. ‘Toda a rede SUS, porque álcool 70 líquido é um excepcional agente de desinfecção. E nós sabemos que as superfícies, pisos, mesas, maçanetas de portas e tantas outras precisam ser hoje limpas muito mais do que originariamente se fazia. O consumo aumenta exponencialmente’”, disse, à Agência Brasil, Evandro Gussi, presidente da Unica. A previsão é que nesta semana os produtos já comecem a ser distribuídos às secretarias estaduais de saúde de alguns estados.

Boticário, Avon, Natura: solidárias em tempos de coronavírus

O Grupo Boticário, um exemplo que não cansamos de destacar também anunciou que produzirá 1,7 tonelada de álcool em gel para doar ao sistema público de saúde de Curitiba, onde a empresa está sediada. Uma das maiores companhias de cosméticos e perfumes do Brasil, o Grupo Boticário se junta, assim, a outras marcas do setor que estão fazendo o mesmo na Europa. Entre as quais a L’Oréal e o grupo LVMH, dono da Dior e Givenchy.

Além da brasileira Natura, que acaba de anunciar parcerias com o Grupo São Martinho e a Avon, fortalecendo ainda mais essa lista do bem. Com o São Martinho, vai fabricar e envasar 15 mil quilos de álcool em gel e 150 mil litros de álcool em solução 70% para doar à Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo.

Junto com a Avon, a produção será de 2,8 milhões de unidades de sabonetes líquidos e em barra. Produtos que serão doados para as comunidades carentes do entorno de suas operações na América Latina, conforme o Valor investe.

Fabricantes de máquinas: respiradores mecânicos

A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) também informa que mais de 100 empresas do setor vão colocar as linhas de produção à disposição do governo, diz o R7. O foco é a produção de respiradores mecânicos para a rede hospitalar. O equipamento é fundamental para o tratamento dos casos mais sérios da covid-19.

Segundo o presidente da Abimaq, José Velloso Dias Cardoso, “não haverá custos para o governo e os valores que o setor despenderá para produzir os respiradores não serão divulgados porque será uma doação da indústria”. Vão fazer parte desse esforço de produção, disse Cardoso, empresas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas, Bahia e Distrito Federal. Ele estima uma demanda de 2.000 respiradores produzidos por semana a fim de atender o pico de infectados, em abril.

Exemplos que vêm da Europa

Na Europa, segundo The Guardian, fabricantes de automóveis atenderam aos apelos do Reino Unido e vão produzir também respiradores para a rede hospitalar. Já aderiram a essa rede de solidariedade as inglesas Jaguar Land Rover e Rolls Royce, além da inglesa Vauxhall, que faz parte do grupo francês PSA, informa o Estadão. O Guardian também destacou a Foxconn, empresa de eletrônicos que fornece a Apple, que começou a fabricar suas próprias máscaras cirúrgicas, permitindo que os trabalhadores chineses produzam iPhones ininterruptamente enquanto a crise do coronavírus continua.

Segundo o jornal, “não é a primeira vez que esse tipo de ajuda é solicitado por governos. A mudança temporária em linhas de produção já foi feita em outras ocasiões, especialmente durante períodos de guerra. Na Segunda Guerra Mundial, por exemplo, diversas fabricantes de automóveis deixaram de produzir veículos de passeio e passaram a produzir modelos adaptados ao uso militar”. E quem duvida que há uma guerra a ser vencida?

Imagem de abertura: https://casavogue.globo.com/

Fontes: https://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2020-03/usinas-fecham-parcerias-para-distribuicao-de-alcool-70; https://noticias.r7.com/economia/industrias-vao-doar-respiradores-mecanicos-ao-governo-federal-22032020; https://saude.estadao.com.br/noticias/geral,doria-anuncia-rede-com-capacidade-para-2-mil-testes-por-dia-para-coronavirus,70003244496; https://www.ictq.com.br/industria-farmaceutica/1283-cervejaria-vai-produzir-500-mil-unidades-de-alcool-em-gel-para-o-sus; https://valorinveste.globo.com/mercados/renda-variavel/empresas/noticia/2020/03/23/natura-e-sao-martinho-fazem-parceria-para-doar-alcool-gel-em-sp.ghtml; https://www.agazeta.com.br/revista-ag/comportamento/gigante-da-perfumaria-nacional-vai-doar-17-tonelada-de-alcool-em-gel-0320; https://super.abril.com.br/saude/fabricante-de-cerveja-vai-comecar-a-produzir-alcool-em-gel/.

Problemas de saneamento básico se agravam no Brasil

Repórteres do Mar

O Mar Sem Fim quer a sua colaboração. Não é possível estar em todos os lugares ao mesmo tempo e, com a sua ajuda, podemos melhorar ainda mais o nosso conteúdo. Saiba como colaborar com o Mar Sem Fim.

Comentários Comentários do Facebook

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here