Plástico nosso de cada dia faz mais uma vítima

0
274
views

O plástico nosso de cada dia desta vez quase mata uma foca

Local do crime: praia de Horsey, costa leste da Inglaterra. Arma: um frisbee. Vítima: uma foca. Réu: nós, que usamos esse maldito material plástico e não sabemos descartá-lo. Desta vez foi um frisbee, um ‘inocente’ jogo- distração típico das praias.

imagem de foca com um anel de frissbe, de plástico, no pescoço
O olhar envergonhado do animal. Envergonhado pelas bobagens que fazemos.

Animal machucado por plástico foi visto há seis meses

Mas, assustado, ele evitava ser pego, não queria se aproximar. E cada vez mais o plástico cortava seu pescoço. Pior. O animal estava em crescimento, a cada centímetro que ganhava, mais o brinquedo o sufocava e cortava, dilacerando seu pescoço. Logo veio um apelido. Qual deveria ser, para aquele animal acuado, com medo da própria sombra? ‘Senhora Frisbee.’

imagem de foca com anel de plástico no pescoço

Depois de muito esforço voluntários do Friends of Horsey Seals conseguiram pegá-lo. Levaram-no imediatamente para a Sociedade Real para a Prevenção da Crueldade Contra os Animais. Você reparou que os ingleses têm sociedades reais pra tudo? Bem, a Sociedade Real informou que a cura pode levar meses. Peter Ansell, presidente da Amigos das Focas de Horsey, declarou

Enquanto estava saudável, ela estava sempre rodeada por outras focas. Uma delas sempre acabava se assustando e todas fugiam ao mesmo tempo, o que tornava difícil capturá-la…

Foca ‘anelada’ com colar de plástico é banida do grupo

Os pesquisadores perceberam que, por sua aparência, o bando de focas com as quais vivia baniu o animal machucado do grupo. Mas o pior havia passado. Agora, o animal estava aos cuidados do diretor do hospital,  Alison Charles. Ele informou que…

Ela está bem melhor. Está viva e comendo peixes. Nós conseguimos retirar o objeto, mas o pescoço dela está terrível. Nunca vi nada parecido.

imagem de foca com corte no pescoço
O corte foi profundo

Pense bem. Quem de nós consegue a proeza de não usar plástico? Ninguém. O material é onipotente, está em toda parte: embalagens que descartamos em seguida ao abrir o produto, canudinhos idiotas pra chupar refrigerante, invólucro de palito de dente, invólucro de remédios, e por aí afora. Menos de 14% do plástico consumido no mundo é reciclado. Enquanto isso os oceanos se entopem de lixo plástico. Você, recicla o plástico que usa?

Saiba como serão os oceanos em 2050.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here